Novas condições para a obtenção do passe sanitário francês

No seguimento da implementação do passe sanitário em França para as pessoas vacinadas com uma das vacinas reconhecidas pela Agência europeia do medicamento, as pessoas vacinadas no estrangeiro com uma outra vacina encontravam dificuldades para a obtenção desse passe sanitário.

O Decreto de 22 de Setembro 2021 abre novos percursos que alargam as possibilidades de reconhecimento das vacinas efetuadas no estrangeiro e que permitam a obtenção do passe sanitário.

• O direito do passe sanitário é aberto para esses novos percursos vacinais reconhecidos, qualquer que seja o local de vacinação em França ou no estrangeiro;
• E preferível privilegiar revacinações / vacinações com vacinas de tipo RNA mensageiro (RNAm);
• No quadro da organização para deslocações de delegações provenientes de países com risco, classificados laranja ou vermelho, convêm igualmente privilegiar, na medida do possível, esses novos percursos vacinais: com efeito eles permitem aliviar o essencial das medidas de restrição sanitária.

PNG

*4 semanas após a última injecção de vacina realizada no estrangeiro ou, a defeito, o quanto antes.

Para mais informações sobre a vacinação em francês:
www.solidarites-sante.gouv.fr/vaccin-covid-19

- Vacinados com Pfizer-BioNTech, Moderna, AstraZeneca ou Janssen

As pessoas que foram vacinadas no estrangeiro com duas doses de vacina Pfizer-BioNTech, Moderna, AstraZeneca ou uma dose de vacina Janssen (vacinas autorizadas pela Agência europeia do medicamento EMA) dispõem de um esquema vacinal reconhecido em França.

Os Franceses podem obter o seu passe através do portal dedicado : https://www.diplomatie.gouv.fr/fr/le-ministere-et-son-reseau/actualites-du-ministere/informations-coronavirus-covid-19/demande-de-passe-sanitaire-en-cas-de-vaccination-a-l-etranger-hors-ue-procedure

Os cidadãos estrangeiros de passagem em França e os estudantes estrangeiros devem por sua parte utilizar o seguinte portal: https://www.diplomatie.gouv.fr/fr/le-ministere-et-son-reseau/actualites-du-ministere/informations-coronavirus-covid-19/demande-de-passe-sanitaire-en-cas-de-vaccination-a-l-etranger-procedure-pour-64244

- Vacinados com BBIBP-CorV (Sinopharm) e CoronaVac (Sinovac)

Doravante, as pessoas que receberam no estrangeiro as duas doses de vacina BBIBP-CorV (do laboratório Sinopharm) e CoronaVac (do laboratório Sinovac) (ou seja vacinas reconhecidas pela lista de urgência da Organização mundial da saúde), poderão para completar o seu percurso vacinal, receber uma dose de vacina com RNAm e obter o seu passe sanitário.

As pessoas que receberam somente uma dose dessas vacinas Sinopharm ou Sinovac poderão receber duas doses de vacina com RNAm a fim de completar o seu percurso vacinal e obter o passe sanitário.

- Vacinados com Spoutnik V e outras vacinas não reconhecidas pela Agência europeia do medicamento e pela Organização mundial da saúde

As pessoas vacinadas no estrangeiro com uma vacina não reconhecida pela Agência europeia do medicamento nem pela Organização mundial da saúde, deverão refazer um percurso vacinal completo, ou seja receber duas doses de vacina com RNAm a fim de obter o seu passe sanitário, qualquer que seja o esquema inicial realizado no estrangeiro.

Atualização : 12/11/2021

Princípio da página