Defesa de tese do Sr. Bettencourt MUNANGA, docente do Instituto Superior de Tecnologia Agro-alimentar de Malanje (ISTAM)

“Relação entre a dinâmica das populações microbianas e as alterações físico-químicas durante o processo de elaboração de produtos cerealíferos fermentados: caso do Gowé”

BMP

O senhor Bettencourt Munanga obteve de forma brilhante, a 12 de Dezembro de 2017, o grau de Doutor da Universidade de Montpellier e de Montpellier Supagro. Todos os membros do júri, constituído de especialistas franceses reconhecidos na matéria, elogiaram por unanimidade a qualidade e a pertinência científica do seu trabalho realizado no seio da Unidade de Investigação QualiSud do Centro de Cooperação Internacional em Investigação Agronómica para o Desenvolvimento (CIRAD, sigla em francês) de Montpellier.

Após o senhor André Sinela que obteve, a 26 de Dezembro de 2016, o seu Doutoramento na SupAgro Montpellier no domínio da Bioquímica e Físico-química alimentar, igualmente com os elogios do júri, o senhor Bettencourt é o segundo docente do ISTAM a ter beneficiado duma bolsa de Doutoramento do Governo angolano através do Instituto Nacional de Gestão de Bolsas de Estudos (INAGBE). As referidas bolsas foram co-financiadas pela Embaixada de França em Angola.

Um terceiro docente do ISTAM beneficia presentemente duma bolsa de Doutoramento em alternância no SupaAgro Montpellier. Essa bolsa é integralmente financiada pela Embaixada de França em Angola.

Essas três bolsas de Doutoramento enquadram-se na continuidade do projecto de cooperação Angosup, co-financiado pela França e Angola, que deu origem ao Instituto Superior de Tecnologia Agro-alimentar de (ISTAM) cuja inauguração está prevista para este ano.

Atualização : 26/01/2018

Princípio da página