Concurso Quai d’Orsay- Empresas

JPEG

O dispositivo "Quai d’Orsay / Empresas" foi criado em 2006 pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros francês. Este organiza programas de bolsas co-financiadas pelas empresas e pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros. Em Angola, o programa é coordenado e monitorado pela Embaixada de França em Angola e visa promover o acolhimento em França dos estudantes angolanos das escolas de ensino médio da rede Eiffel (a rede é composta por 4 escolas secundárias públicas angolanas de excelência criadas mediante um acordo assinado em 2008 entre o Ministério angolano da Educação, a empresa petrolífera francesa Total e a Missão laica francesa.

Do dia 22 de Fevereiro até ao dia 2 de Março, ocorreram as provas escritas e orais do concurso Quai d’Orsay-Empresas sessão de 2017. Na base dos 50 melhores alunos das turmas da 12a da rede das quatro escolas Eiffel (Caxito, Malanje, Ndalatando e Ondjiva), apenas 4 finalistas serão premiados com bolsas de três anos financiadas pela empresa Total e a Embaixada de França. Após algumas aulas de fortalecimento linguística e científica, os 4 laureados ingressarão, este verão, nos IUT (Institutos Universitários de Tecnologia) em França, de acordo com as suas orientações (Engenharia Química, Redes e Telecomunicações, Engenharia Industrial e Manutenção, Engenharia Eléctrica e Informática Industrial, Engenharia Industrial e Manutenção).

Atualização : 07/03/2017

Princípio da página